Notícias

NotíciasVOA-SP anuncia nova política tarifária e se soma a Infraero na luta da AOPA Brasil pela busca pela retomada da aviação geral.17/07/2019

A  retomada das negociações da AOPA Brasil com a ANAC e SAC, em fevereiro de 2019, começa a ter efeitos. Com o objetivo de reanimar as atividades da aviação geral,  afetadas pelo abuso de cobranças tarifárias pelos aeroportos amplo diálogo foi  estabelecido com reguladores, governo e administradores  aeroportuários. Depois do anuncio do teste tarifário que será implementado pela Infraero inicialmente no Campo de Marte, por 6 meses, a partir de 9 de agosto, a VOA-SP também anunciará ao mercado a sua nova política de tarifas, que terá efeito imediato.

Desde 1º de  julho, com o início da nova parceria na distribuição de combustíveis realizada pela AirBP, a VOA-SP implementou nova política tarifária para, além de promover maior movimentação em seus aeroportos, atender de forma assertiva a solicitação da AOPA Brasil, representando os operadores aéreos.

Até o  início de 2020, a VOA-SP  adotará os preços de Tarifas de Estadia em todos os seus aeroportos e todas as  suas vagas. Uma diária de aeronave com PMD de até 2 toneladas, em Jundiaí-SP, por exemplo, que custava até R$ 600, passará a ter o custo de R$ 113,42 (R$ 73,31 do pouso + R$ 40,11 de estadia).

A VOA-SP manterá a sua  prerrogativa de cobrar por área de manobras, quando se tratar de aeronaves  abandonadas em pátios, seja por desinteresse do proprietário ou por questões  judiciais. Com a nova política, a VOA-SP reconhece que os preços inicialmente  praticados após a aplicação da liberdade oferecida pela Resolução 432 da ANAC  tornaram os custos das operações impraticáveis aos  usuários.

Indo além, a  VOA-SP irá abonar qualquer tarifa de estadia para aeronaves que abastecerem em  seus aeroportos. Iniciando a implantação de parceria com distribuidora de  combustíveis, a VOA-SP pretende atrair de volta clientes e aumentar benefícios, que em breve incluirão, em Jundiaí-SP, sala VIP para pilotos.

Em algumas  semanas, o Gestor tarifário da VOA-SP informa que “um simulador de  tarifas estará disponibilizado no site da VOA-SP e os usuários poderão saber, antes mesmo de usar nossa infraestrutura, qual a estimativa de custo de  pouso e permanência em qualquer um dos nossos aeroportos e além disso, estamos  trabalhando para em breve comemorarmos o esperado procedimento RNAV para Jundiaí-SP, que vai melhorar a navegação e a segurança para os nossos clientes”.  

A AOPA Brasil  celebra a decisão da VOA-SP, acompanhará de perto as práticas e iniciará novas  tratativas com o consórcio, afim de estudar a ampliação de benefícios para os  seus associados, particularmente em relação ao preço do combustível de aviação,  hoje, gargalo tão importante quanto as tarifas aeroportuárias para a retomada das atividades da aviação geral brasileira.




Dúvidas ou sugestões? Nos escreva!










fale conosco